Anderson do Singeperon requer informações sobre projeto que cria entidade para gerir Sistema Socioeducativo

Assessoria

Anderson do Singeperon requer informações sobre projeto que cria entidade para gerir Sistema SocioeducativoO deputado Anderson do Singeperon (PV) por meio de requerimento apresentado a Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, solicitou à Secretaria de Estado de Justiça (Sejus), informações quanto ao andamento do Projeto de Lei que versa sobre a criação de entidade ou fundação que irá gerir e coordenar o Sistema Socioeducativo no Estado.

Segundo o parlamentar, o requerimento é dos encaminhamentos decididos em Audiência Pública realizada na Casa de Leis com a presença de autoridades como a juíza Euma Tourinho, a secretária adjunta da Sejus, Sirlene Bastos, o promotor de Justiça, Everson Antonio Pini, o juiz de Direito Marcelo Tramontini e o chefe de gabinete do governador, Waldemar Albuquerque.

Anderson explicou que, no curso da Audiência Pública, as autoridades citadas fizeram uso da palavra enaltecendo a importância da discussão a nível estadual e quanto se faz necessária à criação de uma entidade ou fundação, que possa de forma independente gerir o Sistema Socioeducativo em Rondônia, a exemplo de demais Estados brasileiros.

“Citamos, por debate, o que disse Waldemar Albuquerque que, conforme registro em Ata, enalteceu a realização da audiência e salientou o trabalho do socioeducador e reforçou a criação dessa estrutura, para melhor atender a necessidade exigida no que diz respeito a socioeducação”, ressaltou o deputado.

Anderson também frisou o que disse a secretária adjunta da Sejus, Sirlene Bastos, ao informar que o Poder Executivo está de acordo com essa criação.